nho Resistente Existencial: (1761) Mau Sinal

Resistente Existencial

Extractos irónicos e provocantes acerca de política, sociedade, media, cultura e do umbigo de um desalinhado anjo caído.

quarta-feira, junho 29, 2005

(1761) Mau Sinal


   Mais uma vez, Correia de Campos não teve grande tacto discursivo. Voltou a criticar a greve por afectar os serviços necessários à população. Se bem que se perceba minimamente o uso deste argumento na greve com os professores, pela importância estratégica que envolveu, agora não é bem assim. Esta ideia de colocar cidadãos contra cidadãos e desvalorizar de forma arrogante o direito à greve não é justa nem vai colar muitas vezes. Sejamos claros: o Governo deve respeitar todas as greves e manter-se firme às suas ideias. Melhor faria se tentasse minimizar o efeito das greves. No caso de hoje, teria sido interessante telefonar a pessoas com consultas marcadas para alterarem a data para outro dia, ou ter colocado avisos nos centros de saúde e hospitais. Isso também é zelar pelo interesse comum.
Site Meter
A minha fotografia
Nome:
Localização: Portugal
  • Livro de Reclamações:

  • nunopinho(AT)vianw.pt

    (Substituir (AT) por @)