nho Resistente Existencial: (1559) Boa e má publicidade

Resistente Existencial

Extractos irónicos e provocantes acerca de política, sociedade, media, cultura e do umbigo de um desalinhado anjo caído.

quarta-feira, abril 13, 2005

(1559) Boa e má publicidade


   No livro que estou a ler (ver ali em baixo à direita), o Miguel escreve sobre como a personagem Gabriela (da novela, estão a ver?) é uma representação da miscigenação colonial, o mulato, como produto da colonização "amistosa" e da herança africana. Tudo isto serve para criar a ilusão da existência de uma "raça" (sob o pretexto da cultura específica) baseada no mito do "Bom Selvagem", ao mesmo tempo sensual e não-intelectual. Esta construção é perigosa porque reafirma as impossibilidades de contacto entre as várias raças e legitima o seu espaço próprio, criando forças de afastamento e zonas de exclusão.

Image hosted by Photobucket.com

   A propósito disto, lembrei-me da infeliz publicidade da cerveja Sagres, que, numa só campanha publicitária, consegue apelar ao machismo mais básico (as mulheres são para comer) e cola o acto de beber ao sexismo. O álcool como território masculino de agressão. A publicidade é suavizada pelo suposto humor, mas cá para mim, não tem graça nenhuma. Provavelmente a publicidade será eficiente, mas nociva em termos culturais/sociais, porque legitimadora e reprodutora de uma errada concepção das relações. A Santa Casa da Misericórida tem uma publicidade parecida, aquela em que o professor maluco ou o funcionário tresloucado abandonam alegremente a sua profissão porque enriquecem. Terá mais graça, convenhamos, e não é tão ofensiva porque mais real. Mas faz parte do mesmo conceito. Podem acusar-me de falta de humor ou de fazer censura politicamente correcta. Está bem. Mas a diferença está no tratamento construtivo ou não dos estereótipos. No caso da Sagres é claramente ofensivo. É possível atingir um território neutro, como naquele outro "spot" em que um galo de Barcelos representa Portugal à procura de enriquecer de um dia para o outro...
Site Meter
A minha fotografia
Nome:
Localização: Portugal
  • Livro de Reclamações:

  • nunopinho(AT)vianw.pt

    (Substituir (AT) por @)