nho Resistente Existencial: (774) Blogo Noticioso - 22/10/04

Resistente Existencial

Extractos irónicos e provocantes acerca de política, sociedade, media, cultura e do umbigo de um desalinhado anjo caído.

sexta-feira, outubro 22, 2004

(774) Blogo Noticioso - 22/10/04


   I - Marques Mendes e Manuela Ferreira Leite ausentes do congresso do PSD - Mais uma vez emerge a diferença entre o que se passou no PS e o que se está a passar no PSD. Ao não levantarem as suas vozes contra Santana, os altos dirigentes do PSD que discordam da sua actuação, estão a consolidar o unimismo no seio do partido e a permitir que o congresso seja apenas mais um acto de propaganda.

   II - Professores Acham Sugestão de Santana "desconcertante" - Até ia dizer que era a "gaffe da semana", mas ao ritmo a que surgem, acho que terei dizer que foi a do dia...

   III - Trabalhadores [da RTP] receiam Instrumentalização - Os funcionários da RTP consideram as declarações de Morais Sarmento "uma lamentável forma de pressão política". Melhor que ninguém, eles sabem o que a casa vai gastando.

   IV - Questão do Défice Dominou Reunião dos Ministros das Finanças da UE - Bruxelas prevê que Portugal deverá ter em 2005 um défice superior a 3%. Lembram-se deste governo acusar o PS de em tempos de crescimento não conter a despesa? Não só vão fazer o mesmo, mas, como se vê pelo discurso de Santana Lopes, as razões são meramente eleitoralistas. Aindam os vamos ouvir dizer que o défice (agora em vez da contenção) é devido à conjuntura internacional.

   V - Hora muda na madrugada do dia 31 de Outubro - Eu sei que há muitos leitores do blog que, como eu, gostam da temporada do frio que vai chegado. Ou não é o frio que renova o prazer de sentir calor? Mas do escuro - o escuro da mudança de hora - eu não gosto.

   VI - Clara Ferreia Alves integra painel de "O eixo do mal" - Este programa da Sic Notícias (estreia em Novembro) promete discutir a "actualidade política, social e cultural do país". Clara Ferreira Alves será acompanhada por Pedro Mexia e por Nuno Júdice. Não terá a qualidade da "Quadratura do Círculo", mas é (mais uma) boa iniciativa a ter em conta, nomeadamente para públicos mais jovens.

   VII - Parlamento [Russo] ratificou Quioto - Uma excelente notícia, porque torna possível que este acordo internacional em prol do ambiente possa finalmente arrancar. E que não demore, senão nunca mais começamos a inverter isto.

Para reflectir


Sementes de Violência, por Nuno Pacheco

(...) segundo um relatório da Human Rights Watch, os novos recrutas do exército russo são frequentemente sujeitos a violentos abusos físicos e morais para "endurecerem" como soldados. Uns morrem, outros fogem, alguns suicidam-se. Mas a maioria é posta nas zonas mais rebeldes às imposições do império, para praticar noutros (muitas vezes civis apenas "culpados" de serem suspeitos) as sevícias que sofreram na sua iniciação militar. Assim se eterniza o ciclo de terror mútuo referido por Fraser há cem anos. As mesmas sementes de ódio para uma mesma colheita de violência.

A Estratégia da Aranha, por Miguel Sousa Tavares

Tudo coincide e não há que ter ilusões. O processo está em curso, a intimidação e o medo estão instalados e o objectivo claro é garantir a reeleição deste Governo, não pelos seus méritos, mas pela propaganda maciça, e com menos "contraditório" quanto possível dos seus supostos ou reais méritos. É a "italianização" da vida política portuguesa, umas vezes feita subtilmente, outras vezes com a falta de jeito que caracteriza os ministros Gomes da Silva ou Morais Sarmento. A teia vai-se tecendo e não dispensa coisas tão rasteiras como o suborno de jornalistas e de chefias, os "avisos de amigos" ou as soluções finais de silenciamento e afastamento, quando nada mais resulta. Acreditem: sei do que falo, conheço esta gente e os seus métodos, sei o que os move e aquilo de que são capazes.

Portugal a Subir, por João Paulo Guerra

Alguém se recorda em que ponto estava a história do «Apito Dourado» quando deixou de se falar no assunto?
E como vai o caso do ex-ministro que tinha um sobrinho e uma conta na Suiça? E não há novas sobre o caso do fornecimento de fardas militares para o exército polaco? E o caso das ligações perigosas entre Fátima Felgueiras e um conselheiro do Supremo Tribunal Administrativo?
O actual Procurador-geral da República tomou posse elegendo como prioridade a luta contra o crime económico, por ter constatado que «o desejo de enriquecer rapidamente, e por todos os meios, atingiu todos os estratos sociais». Mas isso foi no Outono de 2000. Onde isso já vai. Depois disso, várias pastas e cargos mudaram de mãos e a responsável pelo combate ao crime económico e financeiro foi mandada para casa. Entretanto, de ano para ano, Portugal vai descendo na tabela da Transparência.
Site Meter
A minha fotografia
Nome:
Localização: Portugal
  • Livro de Reclamações:

  • nunopinho(AT)vianw.pt

    (Substituir (AT) por @)