nho Resistente Existencial: (767) A Queda de Fidel

Resistente Existencial

Extractos irónicos e provocantes acerca de política, sociedade, media, cultura e do umbigo de um desalinhado anjo caído.

quinta-feira, outubro 21, 2004

(767) A Queda de Fidel






   Para azar do ditador, foi uma queda em público. Imaginam decerto que após ter sofrido duas fracturas, Fidel terá ido imediato para o hospital. Mas não. Veio fazer um discurso (vi isto numa peça da Sic-Notícias), pedindo desculpa por ter caído (!), descrevendo os ferimentos (para os preocupados súbditos), mas garantindo que estava inteiro (o chefe como sinédoque do regime). Além disto, não deixou de manifestar incómodo pela imprensa estrangeira ter captado o acontecido. Neste acontecimento patético está toda uma definição de ditadura: propaganda; deificação do líder e ódio visceral a tudo o que é exterior (ao controle) do regime.

Site Meter
A minha fotografia
Nome:
Localização: Portugal
  • Livro de Reclamações:

  • nunopinho(AT)vianw.pt

    (Substituir (AT) por @)