nho Resistente Existencial: (555) <font color="#000080">Pergunta</font><font color="#000000"> &</font> <font color="#800000">Resposta</font> II - Pedro Ribeiro

Resistente Existencial

Extractos irónicos e provocantes acerca de política, sociedade, media, cultura e do umbigo de um desalinhado anjo caído.

quarta-feira, setembro 15, 2004

(555) Pergunta & Resposta II - Pedro Ribeiro


   Desta feita coloquei uma questão ao jornalista do Público Pedro Ribeiro, correspondente nos EUA e autor do blog "Presidenciais americanas" que tem providenciado verdadeiro serviço público, numa altura em que o mundo está mais atento que nunca ao desenrolar destas eleições. Em vez de me enviar uma resposta pelo email, Pedro Ribeiro optou por fazer um post no blog, com uma resposta muito mais desenvolvida do que eu esperaria. Assim, seria indecoroso copiar todo o post, pelo que me limito a transcrever algumas passagens. O resto, porém, é muito interessante. Obrigado mais uma vez ao jornalista pela colaboração.

   PERGUNTA

   "Tenho ainda uma questão para lhe colocar, ao nível da que outro leitor já colocou. Li uma notícia que dizia "Gay GOP Group Won't Endorse Bush Reelection". Fiquei supreendido, pois por cá estas associações costumam associar-se à esquerda, e não poucas vezes a uma esquerda bem distante do próprio centro ideológico.
   Gostaria então saber se este grupo tem uma expressão forte dentro do eleitorado, se há outros grupos habitualmente conotados com a esquerda dentro do partido Republicano (por exemplo, os "verdes" ou grupos feministas), e em que moldes assenta o seu apoio a candidatos de direita."

   RESPOSTA

   (...)Os partidos na América têm uma estrutura muito diferente dos europeus. Mais que partidos, são coligações. Reflectem dentro de si uma enorme variedade de ideologias e interesses geográficos, demográficos e culturais.
   (...)os membros dos Log Cabin Republicans são “gay”, mas minimizam o lado mais conservador em termos sociais do partido, porque as suas ideias económicas ou de defesa estão mais em sintonia com a doutrina republicana.
   Quanto à segunda parte da questão de Nuno Pinho — sim, há outros grupos tradicionalmente encarados como “de esquerda” que votam republicano.
   Por exemplo, os Republicans for Choice são a favor do direito ao aborto. Ann Stone, porta-voz do grupo, disse ao PÚBLICO durante a convenção republicana estar desiludida com a posição inflexivelmente “pro-life” do seu partido.
   Enfim, há que notar também que os democratas também são uma “grande tenda”, que inclui posições muito diversificadas. Não é preciso ir buscar o senador Zell Miller para descobrir democratas à direita — há, por exemplo, os democratas anti-aborto.

[ler resposta completa]

Nota: sobre a notícia que refiro na questão, o Renas tem um post a desenvolver o assunto.
Site Meter
A minha fotografia
Nome:
Localização: Portugal
  • Livro de Reclamações:

  • nunopinho(AT)vianw.pt

    (Substituir (AT) por @)